Go to Top

Você não pode deixar de assistir La La Land!

la la land

Se você ainda não viu La La Land: Cantando as Estações, corra pro cinema mais perto e assista! O filme conquistou 14 nomeações ao Oscar,a premiação mais importante da indústria cinematográfica, se igualando ao filme de sucesso mundial Titanic. São elas: melhor filme, melhor diretor (Damien Chazelle – o mesmo diretor do também premiado Whiplash), melhor atriz (Emma Stone), melhor ator (Ryan Gosling), melhor roteiro original, melhor edição, melhor canção original (2 nomeações), melhor trilha sonora, melhor fotografia, melhor design de produção, melhor figurino, melhor edição de som e melhor mixagem de som.

 

Além disso, o filme foi o grande vencedor do prêmio do Sindicato dos Produtores dos EUA, um dos principais termômetros do Oscar. Ou seja, as expectativas são altas quanto a conquista dos Oscars na cerimônia do dia 26 de fevereiro.

Como se não fosse o bastante, também conquistou o recorde de filme que mais venceu prêmios no Globo de Ouro, com sete estatuetas: filme de comédia ou musical, direção (Damien Chazelle), roteiro (Damien Chazelle), atriz (Emma Stone), ator (Ryan Gosling), canção original e trilha.

Quer motivos melhores que esses pra assistir? Clique aqui para assistir ao trailer.
la la land

O filme conta a história do pianista e apaixonado por jazz, Sebastian, e da barista e aspirante a atriz, Mia. Os dois estão correndo atrás de seus sonhos e da fama na cidade conhecida como fábrica dos sonhos, Los Angeles. Sebastian quer trazer o jazz puro de volta e Mia quer ser uma grande atriz e eles, durante esta jornada, se apaixonam. O longa conta, ainda, com a participação de John Legend. La La Land cria um paralelo com o cinema clássico musical de Hollywood, harmonizando com o caos e os problemas  contemporâneos de LA.

Confira aqui as referências escondidas em La La Land:

O sucesso foi reconhecido também bastidores, tanto que foi nomeado para diversas categorias deste tipo. O figurino foi uma parte essencial para dar o tom do filme, que se passa na atualidade, mas tem referências da era de old Hollywood e nas cores vibrantes dos filmes technicolor.

Por ser um musical, as tomadas são longas e com muito movimento. O diretor do filme, Damien Chazelle, revelou que a ideia dele era que a câmera dançasse e rodopiasse entre os personagens e pela cidade, trazendo diferentes emoções ao público em diferentes momentos. Além disso, tem uma trilha sonora incrível, com muito jazz, claro, e duas músicas indicadas como melhor canção original no Oscar 2017 (“City of Stars”e “Audition (The fools who dream)”).

Escute a trilha sonora do filme:

La La Land: Cantando Estações está em cartaz em todos os cinemas do país. Não deixe de assistir! (Ah! Prepara os lencinhos!)

la la land dance